sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Sensações

Sentir
Estar e perpetuar
Sentimentos poderosos
Muitas vezes maldosos

Correr
Passar e esquecer
Do que devia fazer
Num momento de prazer

Amar
Odiar e vencer
O ódio pelos outros
E o amor em si mesmo

Rir
Chorar e tocar
A guitarra esquecida
Num lampejo de agonia

Nenhum comentário:

Postar um comentário